O chá e a Tetley. Uma história (de chá) à inglesa.

A história do chá é tão antiga como a própria Natureza. Mas gostamos de pensar que assistiu à sua mais empolgante reviravolta em 1837, quando os irmãos Tetley iniciaram os seus negócios em Yorkshire, na Inglaterra.

2737 BC

2737 BC

O imperador chinês Shen Nung estava sentado debaixo de uma árvore de chá (camellia sinensis) enquanto o seu servo fervia água para beber. Algumas folhas da árvore caíram na água. Assim, deu-se uma infusão acidental e nasceu a chávena de chá. Bem, pelo menos, assim reza a lenda.

2737 BC
600

600

Nesta altura, o chá era a bebida nacional da China. Era fabricado na forma de blocos: as folhas de chá eram trituradas e prensadas num molde em forma de bloco e, depois, eram secas.

600
1600

1600

Nos anos 1600, a Companhia Britânica das Índias Orientais detinha um monopólio de importação de bens de fora da Europa. A popularidade do chá espalhou-se com os marinheiros que traziam presentes de chá para casa.

(caption:)

Grande salão de leilões na East India House

1600
1660

1660

O diarista Samuel Pepys descobriu o chá. Em 1660, escreveu que “…pediu uma chávena de chá (uma bebida da China) que nunca antes tinha bebido.”

1660
1700

1700

A Grã-Bretanha estava agora obcecada pelo chá, mas os impostos mantinham-no longe do alcance de muitos. Por vias legais, vendeu-se 5 milhões de libras de chá – mas ilegalmente foram mais 7 milhões de libras.

(caption):

Dr. Johnson a tomar chá com os Boswells.

1700
1773

1773

Festa do Chá de Boston: quando os navios britânicos chegaram a Boston, foram invadidos por um grupo de homens que abriram o carregamento de 342 caixotes e o deitaram ao mar. Tudo se resumia a um protesto contra os impostos britânicos.

1773
1834

1834

A comercialização de chá tornou-se acessível a todos na Grã-Bretanha. Mercadores e capitães desbravavam os mares para trazer chá, navegando em novos e rápidos "clippers do chá".

1834
1837

1837

Joseph e Edward Tetley começaram a vender sal em Yorkshire, na Inglaterra. Com o tempo, adicionaram o chá aos produtos com que trabalhavam. Óptima iniciativa.

(caption):

Joseph Tetley, 1820 -1889

1837
1856

1856

Os irmãos Tetley mudaram-se para a rua Cullum, em Londres, perto dos salões de leilão de chá. Em 1888, também já tinham um escritório na América.

1856
1904

1904

Na feira mundial de St. Louis em 1904, uma vaga de calor levou o produtor de chá Richard Blechynden a alterar os seus planos. Em vez de servir chá quente, acrescentou-lhe gelo. Provocou uma grande sensação e assim nasceu o chá gelado.

1904
1908

1908

Uma feliz coincidência. Um mercador de chá de Nova Iorque dizia que Thomas Sullivan havia enviado amostras de chá em pequenas e sedosas saquetas. Alguns clientes presumiram que deveriam colocar toda a saqueta no bule – e funcionou.

1908
1909

1909

A primeira Casa Lyons Corner abriu em Londres, com empregadas conhecidas como "activas" pelo seu serviço rápido. Passados mais de 60 anos, a Lyons compraria a Tetley.

1909
1920

1920

Em Agosto de 1920, Benjamin Hirschhorn e o seu irmão Louis apresentam um pedido de patente nos E.U.A. para um "saquinho de chá". Era feito de um tecido têxtil e apertado na parte de cima com um fio, tendo uma etiqueta na ponta que funcionava como pega.

1920
1939

1939

O representante britânico da Tetley (Sr. T I Tetley-Jones) foi à América e trouxe a ideia da saqueta de chá.

1939
1940

1940

As primeiras máquinas de saquetas de chá da Tetley eram conhecidas como as "senhoras cinzentas" e podiam fazer 40 saquetas de chá por minuto para exportação.

1940
1953

1953

A Tetley apresenta a saqueta de chá pela primeira vez à Grã-Bretanha.

1953
1968

1968

Nesta altura, as vendas de saquetas de chá Tetley ascendiam a 5.000 toneladas por ano.

1968
1973

1973

A J. Lyons, da famosa Casa Corner, adquiriu a Tetley. Nasce a Lyons Tetley.

1973
1989

1989

A Tetley foi a primeira a lançar saquetas de chá redondas. Eram especialmente adequadas para a crescente popularidade que teve a preparação de chá em canecas.

1989
1994

1994

Os técnicos da Tetley foram os primeiros a criar as saquetas de chá com fio sem pingos. Tendo sido inicialmente lançadas na Austrália em 1994, são agora as favoritas na Grã-Bretanha, nos E.U.A., na França, na Rússia e na Polónia.?

1994
1998

1998

Última venda do Leilão de Chá de Londres que existia há já 300 anos. Nos primeiros tempos, o chá era vendido "à luz das velas". Acendia-se uma vela no início de cada hasta e, quando o pavio estivesse completamente queimado, arrematava-se com o martelo.

1998
2004

2004

Nesta altura, a Tetley oferece infusões de frutas e ervas, chá verde e chás de especialidade, para além das suas clássicas saquetas de chá de mistura.

2004
2010

2010

Todas as semanas, a Tetley adquire um milhão de quilos de chá, que permite preparar inúmeras chávenas de chá Tetley apreciadas todos os dias por todo o mundo.

2010
Super Tea Launch

2016

Tetley Super Teas, chás e infusões enriquecidas com vitaminas e minerais e descubra como todos os momentos são bons para começar a fazer mais por si, pelo seu corpo e pela sua mente. O melhor da vida começa agora. Começa com Tetley.

Super Tea Launch
Ice Tea Launch

2015

Tetley Ice Tea- a leveza do chá com toda a intensidade da fruta. O melhor dos dois mundos com o selo de qualidade Tetley.

Ice Tea Launch
Delicate Collection

2015

Sempre pronta para novos desafios, a Tetley empenhou-se em revelar a delicadeza do chá verde, despojando-o de toda a amargura. Uma proeza única, alcançada graças a um método inspirado na tradição asiática: as folhas de chá são cuidadosamente colocadas num banho de vapor para produzir um chá verde com um sabor doce e fresco.

Delicate Collection
Tetley Cold

2013

Tetley Cold sao deliciosas infusões especialmente criadas para serem preparadas em água fria. Naturalmente sem cafeina, açucar ou adoçantes artificiais. Saboreie o verão!

Tetley Cold
Mood Infusions

2013

Tetley Mood Infusions- porque todos os momentos contam!

Mood Infusions